Categorias
Ansiedade

3 técnicas de respiração para reduzir ansiedade

A importância de respirar corretamente para reduzir e controlar a ansiedade com técnicas de respiração que trazem benefícios surpreendentes.

É provável que você tenha chegado aqui pesquisando por uma maneira de reduzir ou controlar a sua ansiedade.

Certamente você já experimentou aquele fluxo aumentado de pensamentos, aperto no peito, falta de ar, taquicardia, vontade de chorar.

Pois saiba que isso pode ser uma crise de ansiedade.

Respira, não pira. - Photo by Motoki Tonn on Unsplash
Respira, não pira.

Mas calma, existem técnicas de respiração podem trazer benefícios surpreendentes para reduzir e controlar essas crises de ansiedade.

De fato, ter de volta a sensação de segurança no controle das crises de ansiedade é muito agradável.

1 – Respiração de 4 fases

Em resumo essa técnica consiste em: inspirar / segurar / soltar / pausar

1 – comece com uma inspiração contando mentalmente “1 2 3 4”
2 – segure o ar, com os pulmões cheios, contando mentalmente “1 2 3 4”
3 – solte o ar dos pulmões mantendo a contagem mental “1 2 3 4”
4 – segure novamente, sem ar nos pulmões, dessa vez conte “1 2 3 4 5 6”

Repita por 3 minutos e com o tempo pode alongar pra 5 minutos, ou até conseguir fazer de forma confortável.

2 – Respiração alternada

Antes de tudo, nesse exercício você deve respirar de forma natural e sem forçar.

1 – com o dedo médio da mão direita tampe a narina direita
2 – inspire lentamente pela narina esquerda
3 – solte o ar pelas duas narinas
4 – tampe a narina esquerda e inspire pela direita
5 – solte o ar por ambas as narinas

Repita o processo até onde se sentir confortável, termine depois de inspirar pela narina direita.

3 – As 20 respirações conectadas

Assim como na técnica anterior, aqui também é importante respirar naturalmente.

A entrada de ar deverá ser feita pelo nariz, além disso é importante se atentar ao ritmo da sua respiração e permanecer com a boca fechada. Então vamos lá!

1 – comece fazendo 4 respirações curtas
2 – agora faça 1 respiração longa

Repita esse processo 4 vezes.

Às vezes o último ciclo de respiração tende a ser mais longo em comparação ao primeiro ciclo.

São então 5 respirações x 4 ciclos = 20 respirações. Você vai oxigenar seu cérebro em pouco tempo, num ritmo agradável.

Tente respirar de uma forma conectada, relaxe e permita sentir os benefícios do exercício.

Esse exercício é ensinado por Leonard Orr, em sua terapia do renascimento.

Das três técnicas, essa é a que mais dá resultado pra mim, mas você deve encontrar a sua.

Conclusão

Pratique! O segredo do sucesso aqui é treinar diariamente.

Procure um lugar calmo ao ar livre.
 - Photo by processingly on Unsplash
Procure um lugar calmo ao ar livre.

Eventualmente você vai escolher a técnica que mais te agrada, então vá testando até encontrar a que diminui seu nível de ansiedade mais rápido.

Você pode alternar os exercícios conforme sua escolha ou o mais adequado para o momento.

Aproveite, pois respirar é grátis, incrível e essencial para nossa vitalidade.

Compartilhe aqui embaixo nos comentários o que você costuma fazer quando bate aquela ansiedade.